A tensão, no contexto da energia elétrica, é uma grandeza que representa a diferença de potencial elétrico entre dois pontos de um circuito elétrico. A tensão é responsável por impulsionar a corrente elétrica através dos condutores, permitindo o funcionamento de dispositivos elétricos. Quando falamos em tensão elétrica, estamos nos referindo à força que impulsiona os elétrons através de um circuito, podendo ser comparada à pressão exercida pela água em um cano. A tensão é medida em volts (V) e pode variar de acordo com a fonte de energia e o tipo de circuito.

DEFINIÇÃO DE TENSÃO ELÉTRICA

A tensão elétrica é a diferença de potencial entre dois pontos de um circuito elétrico, podendo ser gerada por uma fonte de energia como uma bateria, um gerador ou uma rede elétrica. Essa diferença de potencial cria um campo elétrico que impulsiona os elétrons a se moverem através dos condutores do circuito. A tensão é representada por uma diferença de potencial elétrico, onde a maior tensão é positiva e a menor é negativa.

UNIDADE DE MEDIDA DA TENSÃO

A unidade de medida da tensão elétrica é o volt (V), em homenagem ao físico italiano Alessandro Volta, pioneiro no estudo da eletricidade. Um volt é definido como a diferença de potencial elétrico entre dois pontos de um condutor quando uma corrente de um ampère (A) de intensidade consome uma potência de um watt (W). A tensão elétrica pode variar em uma ampla faixa, desde milivolts (mV) em dispositivos eletrônicos até quilovolts (kV) em sistemas de distribuição de energia elétrica.

TIPOS DE TENSÃO ELÉTRICA

Existem diferentes tipos de tensão elétrica que podem ser encontrados em um sistema de energia elétrica:

IMPORTÂNCIA DA TENSÃO NA ENERGIA ELÉTRICA

A tensão elétrica desempenha um papel fundamental na distribuição e utilização da energia elétrica. Através da tensão, a energia elétrica pode ser transportada de forma eficiente por longas distâncias, reduzindo as perdas de energia durante o processo de transmissão. Além disso, a tensão é ajustada de acordo com as necessidades dos dispositivos elétricos, garantindo o seu funcionamento correto e seguro.

A tensão também é importante para a segurança das instalações elétricas. Uma tensão muito alta pode representar riscos de choque elétrico e danos aos equipamentos, enquanto uma tensão muito baixa pode comprometer o funcionamento dos dispositivos e causar perdas de energia. Por isso, é essencial que a tensão seja controlada e regulada de acordo com os padrões de segurança estabelecidos.

TENSÃO ELÉTRICA E AS TARIFAS DE ENERGIA

A tensão elétrica também está diretamente relacionada às tarifas de energia elétrica. No Brasil, as tarifas de energia são calculadas levando em consideração a tensão utilizada pelo consumidor. Geralmente, a energia elétrica é fornecida em diferentes níveis de tensão, como baixa tensão, média tensão e alta tensão.

Os consumidores que utilizam uma tensão mais alta, como as indústrias, geralmente têm tarifas mais baixas, devido à maior eficiência na transmissão e distribuição da energia elétrica nesses níveis de tensão. Já os consumidores que utilizam uma tensão mais baixa, como as residências, geralmente têm tarifas mais altas, devido aos maiores custos de transmissão e distribuição nessas condições.

Usamos cookies para melhorar a sua experiência e segurança em nosso website. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade.